Como montar uma caça ao tesouro nessas férias

By 17/07/2017 Redes sociais

Coisas que a vida de mãe brincante fazem a gente descobrir: um site que ensina trocentas maneiras divertidas de se fazer caça ao tesouro em casa ou ao ar livre para as crianças. Trata-se do www.scavenger-hut-fun.com. É por causa de descobertas assim que amamos a internet! Neste site é possível aprender como criar diferentes tipos de pistas para uma caça ao tesouro que deixa qualquer criança com gostinho de quero mais… Aliás, tendo que repetir a brincadeira várias vezes depois.

Dá até um trabalhinho criar essas pistas todas (uns 45 minutos), mas o resultado compensa, especialmente se você quiser surpreender crianças de 7 anos ou mais com uma atividade que é totalmente fora da sua rotina. Tudo consiste em combinar com as crianças que elas vão precisar encontrar alguma coisa em casa (o tesouro) e, para isso, vão precisar decifrar pistas. A graça está na elaboração das pistas que podem ser mais fáceis ou mais difíceis, conforme a idade das crianças.

O céu é o limite quando se deseja algo divertido e empolgante, podendo adicionar regras como o uso de outros brinquedos para ir de uma pista a outra, por exemplo. Os triciclos, patinetes e bicicletas Bandeirante são as peças certas nessa hora, pra deixar a brincadeira mais emocionante.

Na brincadeira das fotos, foram usados os recursos e técnicas explicados a seguir.

  1. Caça-palavras
    Para a pista 1, escolhemos onde estará a pista seguinte. O escolhido foi o telefone. Aí fizemos um caça-palavras com letras suficientes para montar duas palavras: AMAR e TELEFONE, e escrevemos o seguinte verso:

    “Corte as letras
    da palavra AMAR
    e monte uma palavra
    com o que sobrar”

  2. Letras do telefone
    Quando as crianças chegaram ao telefone, encontram um papel com a seguinte sequência numérica: 87622367. Tivemos de explicar que as teclas do telefone possuem letras e números e eles tinham que decifrar a pista buscando as letras correspondentes aos números no teclado. A resposta era TROCADOR.
  3. Decifre as palavras
    Se o lugar do esconderijo for composto de mais de uma palavra, você pode fazer como a gente fez na pista 3. Colocamos um sinônimo das palavras que eles precisavam decifrar e, com os quadradinhos, demos a dica mostrando quantas letras as palavras possuíam.
  4. Charadas
    Você também pode criar charadas. Por exemplo, nesse jogo, a pista para congelador era “O Frio nunca vai me incomodar”. Para a televisão, “Eu sempre faço companhia quando você está sozinho”. Note que a brincadeira envolveu crianças de 8 a 13 anos e, por isso, as pistas precisavam ser difíceis. Se você tiver crianças menores em casa, ou se quiser mais inspiração, pode usar a Coleção de Pistas Tempojunto. É um PDF que o pessoal do Tempojunto.Com preparou com dicas para usar na caça aos ovos de Páscoa, mas você pode baixar, imprimir e usar para fazer caça ao tesouro em qualquer momento na sua casa, sem ter o trabalho de inventar as pistas.

Fonte: Tempojunto.Com.

Desenvolvimento FMS360